23/11/09

MASE recebe a visita de “pequenos” investigadores




O Museu de Arte Sacra e Etnologia recebeu a visita de quatro alunos do 1.º ciclo da Escola EB1 dos Monfortinos, em Fátima.

Alexandre, João e Filipe do 4.º ano e José do 1.º ano, fizeram uma entrevista ao Director do Museu, Gonçalo Cardoso. Colocaram questões pertinentes sobre as colecções do Museu e das actividades que proporciona para a comunidade local e não só.

Após a entrevista, visitaram a Sala de Restauro do Museu onde observaram o trabalho da técnica de Conservação e Restauro, Ana Sebastião, satisfazendo muitas das suas curiosidades nesta área do património. Visitaram também a exposição permanente do museu e prometeram voltar com a sua família e divulgar junto dos seus amigos a fantásticas histórias que o MASE tem para contar.

O trabalho destes jovens alunos tem por título “Passado do meio local”.

14/10/09

Museu de Arte Sacra e Etnologia recebe aluna de Mestrado em Conservação e Restauro




Ana Sebastião, aluna do segundo ano do curso de Mestrado em Conservação e Restauro do Instituto Politécnico de Tomar, optou por realizar o seu estágio no Museu de Arte Sacra e Etnologia em Fátima.

A escolha deste espaço para estagiar é justificada pela a aluna considerar o MASE um espaço de qualidade e onde poderá realizar diferentes experiências na área museológica.

O estágio terá a duração de 9 meses onde a mestranda poderá aplicar os conhecimentos adquiridos ao longo do curso e tomar contacto real com o mundo laboral na área dos equipamentos culturais.

O contributo da aluna será certamente uma mais valia para este espaço museológico dos Missionários da Consolata.

28/09/09

Dia Mundial do Turismo no MASE



A convite da Entidade Regional de Leiria-Fátima, o Museu de Arte Sacra e Etnologia juntou-se às celebrações do Dia Mundial do Turismo, 27 de Setembro.

Sob o tema da diversidade como uma das forças motoras do turismo, o MASE ofereceu nesse dia várias lembranças aos visitantes, bem como disponibilizou visitas guiadas, sem taxas adicionais, durante a tarde de domingo a cinco dezenas de visitantes.

15/09/09

Grupo Londrino visita o MASE



Ontem, dia 14 de Setembro, o Museu abriu excepcionalmente as suas portas numa segunda-feira para receber um grupo proveniente de Londres.

Este grupo britânico encontra-se de visita a Fátima acompanhado pelo Padre Luís Tomás, missionário da Consolata. Este antigo director do MASE foi quem realizou a visita guiada, mostrando o acervo do museu e sensibilizando o grupo para o espírito missionário da Igreja.

05/08/09

Quatro fantásticos dias no Museu!



Cerca de 50 crianças, filhos e netos dos participantes do Encontro Mariápolis do Movimento Focolares, que decorreu no Paulo VI em Fátima, estiveram de 2 a 5 de Agosto no Museu de Arte Sacra e Etnologia.

Junto dos seus animadores e educadores, as crianças passaram inesquecíveis momentos no museu, brincando no Pátio da Azinheira, realizando jogos, observando filmes, ouvindo música e também brincando no parque dos Missionários da Consolata. Esta manhã de quarta-feira, os pequenos tiveram a oportunidade de visitar o Museu com guiões de visita e jogos de descoberta, assistindo primeiro a um momento de teatro de fantoches, conhecendo os simpáticos cicerones do museu, Tó Zé e Inês.

Durante a visita fizeram muitas perguntas e conheceram as fabulosas colecções de vários povos com os quais os Missionários da Consolata trabalham, bem como os belos Presépios e Meninos Jesus ali expostos.

26/07/09

DIA DOS AVÓS!




No passado dia 26 de Julho, cerca de uma centena de Avós e Netos participaram nas actividades do Museu de Arte Sacra e Etnologia no âmbito das comemorações do “Dia dos Avós”.

Os avós e netos que visitaram juntos o museu, puderam assistir a um teatro de fantoches, cujas personagens explicavam o significado deste dia, apresentando depois um filme animado sobre a vida dos avós de Jesus, Santa Ana e São Joaquim. Seguiram-se momentos musicais e a visita ao museu através de guiões com jogos de descoberta.

No Pátio da Azinheira avós e netos puderam brincar ao pião, pintar, jogar “À macaca” e ouvir a música do acordeão do Irmão João Alfaiate, missionário da Consolata.

Um dia que avós e netos não irão certamente esquecer-se!


15/07/09

Corais cantaram e encantaram



O Auditório do Centro Missionário Allamano acolheu na passada sexta-feira, 17 de Julho, um Encontro Internacional de Coros com o Chorus Auris (Academia de Música Banda de Ourém) e o Coro Nauczycilski (POLÓNIA).
O concerto que deliciou todos os presentes.
Este encontro foi organizado pela Academia de Música Banda de Ourém.




Coro Nauczycilski (POLÓNIA).

02/07/09

Barrete do Beato Francisco Marto regressou hoje ao MASE



O barrete do Beato Francisco Marto regressou hoje, dia 2 de Julho, à Sala dos Pastorinhos do Museu de Arte Sacra e Etnologia.

Esta relíquia foi solicitada aos Missionários da Consolata pelo Santuário de Fátima para estar exposta na mostra «Francisco Marto: "candeia que Deus acendeu'», para assinalar os 90 anos da sua morte.

Patente ao público no vestíbulo do Convivum Santo Agostinho, no complexo da Igreja da Santíssima Trindade, de 4 de Abril a 30 de Junho, recebeu mais de 120 mil visitantes. Esta exposição de grande qualidade foi organizada pelo Departamento de Arte e Património do Santuário de Fátima.

O barrete do Francisco junta-se agora às restantes relíquias dos videntes existentes na Sala dos Pastorinhos que foram doadas, na sua maior parte, pelo pai de Jacinta e Francisco, Manuel Pedro Marto.


29/06/09

Paróquia de Gondomar visita o MASE



No passado domingo, dia 28 de Junho, mais de três centenas de paroquianos de S. Cosme - Gondomar visitaram o Museu de Arte Sacra e Etnologia, em Fátima.

Esta visita inseriu-se na peregrinação Paroquial a Fátima e serviu de preparação para da “Missão 2010”, da Diocese do Porto, que procurará redescobrir como igreja, cuja verdadeira natureza é evangelizadora e missionária, valorizar todas as potencialidades carismáticas e ministeriais com que o Espírito de Cristo a habilita e envia.

As visitas foram guiadas onde se transmitiram informações sobre as colecções expostas e sobretudo procurando mostrar as ricas experiências missionárias e as várias realidades encontradas pelos missionários no mundo.

Este museu dos Missionários da Consolata tem vindo a receber um número cada vez maior de Paróquias do nosso país, pois permite dar a conhecer o espírito missionário da Igreja, tendo uma função catequética, cujos sacerdotes, catequistas e professores de Educação Moral e Religiosa Católica têm utilizado como um recurso diferente para transmitirem as suas mensagens.

18/05/09

Noite e Dia dos Museus!




O MASE promoveu em Maio diversas iniciativas no âmbito da Noite e Dia dos Museus.

Assim, no sábado dia 16, o MASE juntou-se à 5.ª edição europeia da “Noite dos Museus”, onde centenas de museus da Europa estiveram abertas à noite com várias actividades. O MASE ofereceu visitas guiadas “hora à hora” pelo experiente Missionário Padre André Ribeiro que partilhou com os visitantes os saberes apreendidos juntos de vários povos, especialmente o povo Yanomami que habita na Floresta Amazónica do Brasil e Venezuela.

O Turismo Cultural foi o tema da edição especial “Tertúlia no Museu” que teve como convidado João Fiandeiro, Presidente da Associação Portuguesa de Turismo Cultural, onde se debateram vários assuntos, mostrando-se a importância do desenvolvimento desta vertente turística.

Mais tarde, os visitantes puderam assistir a um Recital de Guitarra e Acordeão, a cargo do Conservatório de Música de Fátima e Ourém.

Já no dia 18 de Maio, no âmbito das comemorações do Dia Internacional dos Museus, e sob o tema “Museus e Turismo”, o museu apresentou ao público mais jovem o teatro “Há Turistas no MASE”. Dois turistas espanhóis, Davi e Júlia, visitaram o Museu com os vários alunos das escolas do 1.º ciclo de Fátima (Casa velha, Moita Redonda e Fátima) No final, todos participaram numa oficina de pintura no Pátio da Azinheira onde representaram aquilo que mais gostaram de ver neste espaço museológico. Receberam depois a oferta de balões. Os actores eram alunos do curso de técnico de museografia da Escola Profissional de Artes e Ofícios Tradicionais da Batalha

A todos os visitantes individuais foram oferecidos cartões de Desconto de 20% de entrada no Museu para uma próxima visita, sem prazo de validade.

Estas iniciativas contaram com o apoio da Escola Profissional de Artes e Ofícios Tradicionais da Batalha, da Junta de Freguesia de Fátima e do Conservatório de Música de Ourém e Fátima.

18/04/09

31/03/09

Tertúlias no Museu - Antigo seminarista reconhece valor da formação recebida na Consolata




«Foi aqui (no seminário da Consolata) que ganhei métodos de trabalho», afirmou Júlio Órfão

Júlio Orfão, actualmente director do Convento da Batalha, foi aluno do Seminário da Consolata. Esses tempos recordou nas 'Tertúlias no Museu', na noite de ontem, 27 de Março. Convidado para falar sobre o Mosteiro, enquanto Património da humanidade, o responsável lembrou os seus tempos de seminarista.

«Não rejeito o passado. O que sou, devo-o, de facto, aos missionários da Consolata», disse. Foi através do convite do padre Manuel Carreira que, na escola primária, teve o primeiro contacto com os missionários da Consolata. Uma ligação iniciada que o trouxe ao seminário para aprofundar a sua vocação e prosseguir os estudos.

Acabou por sair do seminário, mas são aqui que estão as suas raízes, reconhece. A aprendizagem de métodos de trabalho e competências como organista, derivam destes tempos.

Esta foi a sexta tertúlia, do ciclo 'Tertúlias no Museu' uma iniciativa conjunta do Museu de Arte Sacra e Etnologia de Fátima, dos missionários da Consolata e da Junta de Freguesia de Fátima. A próxima sessão é a 24 de Abril.

Texto e foto de Lucília Oliveira

25/03/09

Grande interesse pelo segundo Curso-livre do MASE





O Curso Livre “O Concelho de Vila Nova de Ourém durante a Primeira República”, sob orientação do Dr. Poças das Neves e promovido pelo Museu de Arte Sacra e Etnologia, tem-se revelado de grande interesse.

Foram já realizadas 4 das 10 sessões previstas onde se abordaram temas e informações inéditas sobre a história local que têm prendido a atenção dos trinta cursistas inscritos.

Não existe (publicada em livro) nenhuma investigação cuidada sobre a realidade do concelho na Primeira República. O enfoque tem sido sempre colocado nos acontecimentos vivenciados na Cova da Iria, descontextualizando-os da realidade regional.

Este curso tem dado a conhecer os espaços geográficos e administrativos, mentais, de vivências comunitárias e conflitos epidérmicos de interesses de Vila Nova de Ourém, durante a Primeira República.

Após uma breve abordagem à situação político-religiosa nacional nos finais do século XIX e início do século XX, partiu-se para a caracterização do concelho de Vila Nova de Ourém, sublinhando-se o seu território, indicadores demográficos e sociais. As suas elites e a oposição republicana no concelho entre 1900 e 1910 foram tratados, assim como, o relato da republicanização do concelho com as eleições de 1911 e 1913, as suas leis e respectiva aplicação.

Nomes de pessoas naturais de Fátima e Ourém que tiveram a sua importância na época e contribuíram inequivocamente para o desenvolvimento do concelho têm sido referidos, sendo muitos deles desconhecidos pelos oureenses.

Acederam ao curso sobre história local 19 residentes em Fátima, 7 em Ourém, 2 em Leiria, 1 em Seiça e 1 em Alburitel.

20/02/09

Três centenas de crianças no MASE





Mais de três centenas de crianças de algumas escolas do 1.º Ciclo de Fátima participaram nas actividades para assinalar o dia dos beatos Jacinta e Francisco Marto, 20 de Fevereiro, promovidas pelo Museu de Arte Sacra e Etnologia.

À espera das crianças estão duas pastorinhas que contam curiosidades sobre o dia-a-dia dos pastores. Segue-se depois uma visita guiada à Sala dos Pastorinhos e ensinam-se também dois jogos tradicionais: o jogo do botão e das pedrinhas. No final há espaço para um momento musical com uma letra alusivas aos pastorinhos e é entregue a cada criança um caderno de actividades com jogos pedagógicos para responderam durante as próximas férias.

Estas actividades são organizadas pelas alunas estagiárias do curso Técnico de Museografia e Gestão de Património da Escola Profissional de Artes e Ofícios Tradicionais da Batalha, Ana Gomes e Joana Pinto.

CONSULTE A REPORTAGEM TELEVISIVA DA TV FÁTIMA:
http://www.tvfatima.com/portal/

16/02/09

TERTÚLIAS NO MUSEU



“A visão dos NOSSOS jovens sobre Fátima - DESAFIOS PARA O FUTURO” foi o tema da passada tertúlia no Museu realizada dia 27 de Fevereiro.

Esta acção resulta de uma parceria entre o Museu de Arte Sacra e Etnologia dos Missionários da Consolata e a Junta de Freguesia de Fátima visando desenvolver mecanismos culturais para a comunidade local.

Assim, foram convidados para a tertúlia Filipe Gonçalves (Jornalista da Sport TV) e um painel de jovens representantes das vertentes económicas sociais e culturais de Fátima que responderam às questões dos moderadores Poças das Neves e Catarina Neves.

Também foi apresentado na tertúlia um estudo sobre Fátima realizada por quatro alunos no âmbito de uma disciplina do Curso de Marketing da Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Leiria.

19/01/09

Dom Carlos Azevedo abriu "Tertúlias no Museu" de 2009!




«Igreja portuguesa não tem projecto cultural»

O bispo auxiliar de Lisboa defendeu que a evangelização faz-se, também, pela arte. «Só uma Igreja sem estratégia pastoral, como a portuguesa, é que não valoriza a arte», afirmou Carlos Azevedo durante as 'Tertúlias do museu', a 30 de Janeiro, no Museu de Arte Sacra, em Fátima. O prelado, que falava sobre 'Património artístico e cultural da Igreja' considerou que «já é tempo da Igreja se preocupar mais com o património». O património pode e deve ser usado, aconselhou, para a catequese e para evangelização.

«Se houvesse projecto cultural, concerteza que os arquivos não eram o 'parente pobre', e o estado a que chega o património artístico, não chegaria lá», apontou o presidente da Comissão episcopal da Pastoral social.

No patriarcado de Lisboa «o arquivo tem andado com muita velocidade, mais do que seria de esperar, mas graças ao trabalho dos voluntários». O bispo auxiliar de Lisboa apontou a importância do mecenato para se poder concretizar o tratamento de arquivos, apontando como o exemplo i arquivo do cardeal Cerejeira que, «começa a ser tratado informaticamente».

O presidente da Comissão episcopal da cultura, bens culturais e comunicações sociais recusa a ideia de uma ausência de uma política para o património. Manuel Clemente adianta que «a preocupação é a inventariação geral do património, que se está a efectuar em várias dioceses». Exemplo disso é – salienta o prelado do Porto - um ciclo de eventos sobre a identidade de Portugal, que vai decorrer nos próximos três anos.

Lucília Oliveira | FÁTIMA MISSIONÁRIA
02-02-2009 • 11:49

“Tertúlias no Museu" resulta de uma parceria entre o Museu de Arte Sacra e Etnologia e a Junta de Freguesia de Fátima visando desenvolver mecanismos culturais para a comunidade local.

Nas últimas sextas-feiras de cada mês serão entrevistadas personalidades locais, regionais ou nacionais, que se têm destacado em várias áreas do saber, sendo debatidos temas relacionados com Fátima e também com aspectos culturais e patrimoniais do nosso país.